Um tapa de realidade!

04 setembro 2012



Bom dia pessoal!
Acordei cedinho e como de costume, tomei café da manhã junto com meu filho, às 6 da matina.
Normalmente depois que o escolar chega e ele se vai, eu volto para cama e fico nela enquanto sinto sono ou vontade.
Claro que isso quando não tenho compromissos pela manhã.
Hoje tenho. Aliás esta semana está cheia e corrida.
Enquanto ele se alimentava eu observava e pensava.
O café da manhã dele hoje, foi um sanduíche quente de queijo e presunto, uma xícara de leite com nescau e  meio mamão que ele nem tocou.
O meu, foi meia xícara de chá de casca de abacaxi gelado e 4 uvas. Sim meu estômago ainda está chatinho. Ainda sinto muuuuuita falta do pedaço do pâncreas que foi embora. Mas não morro de fome viu gente, driblo o dia inteiro testando alimentos que não me façam mal, acho que vou acabar me adaptando, bom que faço escolhas cada vez mais saudáveis.
E era neste ponto que eu queria chegar.
Nas escolhas!!
Já pensaram na diferença que elas fazem em todas as áreas da nossa vida?
Na alimentação, que acaba sendo a base de um dia produtivo, uma escolha mal feita pode fazer grandes estragos.
Pensem no café do João...
Poderia ter oferecido a ele uma torrada que já tinha no armário, com o requeijão light que está lá na geladeira, não poderia? E o leite com nescau??  Me embrulha o estômago só de pensar em beber um gole daquilo, (tenho dumping até hoje) e fico entupindo meu filho com ele??  Por qual motivo não poderia ser leite puro , já que ele gosta? Justo o mamão, que era o mais saudável da história ficou pra trás...
Então porque não poderia simplesmente fazer uma vitamina usando o mesmo leite e o mesmo mamão??
Dá trabalho né gente? Faz barulho ligar o liquidificador as 6 da manhã né?? Ahhh é verdade!!
Desculpas e argumentos pra não assumir uma pequena verdade...
Estou fazendo tudo errado!!!
Vivo em consultórios de nutricionistas, endocrinologistas, cirurgião bariátrico, e só aplico o que aprendo em mim mesma??
Meu filho ainda é uma criança não o vejo como adolescente ainda, criei pra ser criança enquanto quiser e ele é bebezão mesmo e quem prepara seus alimentos sou eu!!
É preciso viver o que se prega... (Não só neste quesito viu!)
Bom gente, vamos ver se depois desta reflexão de hoje, eu acorde pra vida e faça algo não só por mim, mas também pelo João, afinal não quero que ele passe por tudo o que eu passei sendo obesa.
Cheguei à redução de estômago?? Sim!!! E dou graças a Deus por isso, foi a melhor escolha que já fiz por mim, foi uma nova oportunidade de vida, pela qual agradeço a Deus todos os dias.
Ainda assim acredito que o que é válido mesmo, é ter uma vida saudável e de todas as formas, obviamente saudáveis também, evitar que se chegue até ela!!
Esta postagem gente, é bem pessoal, não sei se já observaram, mas por mais que eu encha o blog de fotos e fale muito de mim, não fico escrevendo sobre a vida do meu filho ou da minha família.
O motivo, é que esta é uma exposição à qual eu me propus, não quer dizer que eles tenham que ser expostos também.
Acontece que hoje achei muito pertinente falar disso, pois pelos comentários que recebo de muitos leitores, posso perceber que algumas pessoas acham que eu sou perfeita.
Muitos dizem que se espelham em mim, que sou exemplo, que querem ser como eu, mas eu sou uma rélis mortal, cheia de erros, cheia de falhas e estou aqui, também para aprender e compartilhar!!
O que eu falar de bom e proveitoso, guardem sim, se vai acrescentar, guardem. Mas tenham em mente que o que conto aqui é somente minha experiência pessoal e que como qualquer pessoa, tenho muitos defeitos e também muitas dúvidas...
No mais, estou aqui para o que precisarem!!
Ps... Visitinhas a noite, estou correndo agora!!
Que o Senhor abençoe grandemente o dia de cada um que passar por aqui!!!
Comentários
28 Comentários

28 Comentários:

^
© Gastro Feliz |2014. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Karina Enésio.
imagem-logo