Se não é um caso de amor, acho que pelo menos deveria ser...

10 abril 2013


Tirei um tempo para pensar em nosso relacionamento.
Em como você chegou  sem ser convidado e aos poucos foi conquistando um espaço cada vez maior em minha vida.
Foi se tornando essencial, indispensável e chegou ao ponto de ser tão imprescindível, que sem sua presença, me perco completamente.
Por um certo período, cheguei a té a questionar essa minha necessidade.
O motivo de tanta angústia, só em saber que não está por perto.
Já desmarquei compromissos por sua causa muitas vezes...
Por várias vezes o vazio foi tão grande...
Já precisei tanto tê-lo comigo, que voltei de algumas viagens, antes do planejado.
Quando não estamos juntos, sinto coisas que não consigo explicar, mas é só você chegar, para que eu recupere novamente o controle.
Não sei se esta é uma relação muito justa, mas já até me acostumei.
Cheguei a acreditar mesmo que por um tempo pequeno, que não nos veríamos mais, que seguiríamos nossas vidas separados e isso até me pareceu ser bom.
Por uns dias relaxei e fiquei aliviada.
Me senti livre e ouso dizer que não senti sua falta!
Mas como tudo na vida tem um preço, você tratou logo de me mostrar que sem você perco o rumo, e que só posso ser quem eu sou, quando está comigo.
Não sei ao certo o nome deste sentimento que me une a você, mas já estou acreditando que é mesmo dependência.
Então, para que possamos viver daqui pra frente, juntos, tranquilos e felizes...
Eu me rendo aos seus encantos!!
Quero ter você para sempre ao meu lado, GLICOSÍMETRO, seu lindoooo!!!!!!!!!!

Comentários
4 Comentários

4 Comentários:

^
© Gastro Feliz |2014. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Karina Enésio.
imagem-logo