Tantas coisas pra falar...

25 fevereiro 2013


[…] mas depois de rascunhar muitos posts, não ficar nem um pouco satisfeita e apertar por várias vezes a tecla delete, percebo que não estou conseguindo, simplesmente porque no momento não quero relatar detalhes do que tenho vivido.
Ando amiga do silêncio. Uma espécie de silêncio pessoal, um momento meu, quando mais uma vez me agarro a algum tipo de egocentrismo como forma de auto-defesa. O mundo não gira ao meu redor, mas para que eu me sinta bem preciso que o meu mundo esteja girando em harmonia. Quem não precisa? Neste momento sou uma menina assustada, receosa e cheia de vontades.
Muita coisa tem acontecido nos últimos dias. Das regras o que não muda: tudo ao mesmo tempo. Se parte destes acontecimentos são tão imprevistos que eu não poderia classificar como agradáveis, ao menos posso dizer que a outra parte diz respeito a projetos pelos quais já venho lutando há muito tempo e que enfim começam a despontar os primeiros resultados.
Fase de mudanças. No plano profissional, no plano pessoal.
Sei que estou partindo para um novo patamar, do qual jamais poderei voltar. E não quero voltar. É mais um pedaço do caminho que preciso percorrer, um trecho onde encontrarei mais problemas, maior pressão, maior exposição, onde "colocarei minha cara a tapa", mas que acima de tudo significará crescimento.
Sim, sinto medo.  Mas estou feliz!!!
Por enquanto é só o que  tenho a dizer.
Em breve contarei tudo. 
A exposição da internet nem sempre é saudável e algumas coisas, para darem certo pedem uma certa reserva.) 
Tenho aprendido isso!!
Bjos gente e não se esqueçam, se quiserem meu livro, em Belo Horizinte, livraria Saraiva do Diamond Mall. Demais localidades - Livraria Saraiva Online. Para receber autografado e com dedicatória, solicitar via email - luthfernandes@yahoo.com.br

Apenas um toque!

23 fevereiro 2013




A frase que mais maltrata uma pessoa obesa... (uma delas)
Nossa como você tem o rosto bonito!!

Se toca pessoal, ninguém é somente um rosto, certas coisas até se pensa, mas não se diz!!
Na minha humilde opinião, quando não se tem nada de útil a dizer, é bem melhor que se fique calado!!
Poupa o sofrimento alheio!!

Excelente sábado a todos!!!


Já adquiriu meu livro? luthfernandes@yahoo.com.br


Já estão participando do sorteio

Stress, cansaço, distração??? Ou loucura mesmo???

20 fevereiro 2013


Este post não foi programado. Eventos cotidianos!!!

Chego ao supermercado, estaciono e entro correndo atropelando carrinhos e clientes ouriçados, por causa dos produtos novos que acabavam de chegar.
Quase meio dia.
Tenho pressa, o relógio me mostra que a criança já está para chegar do colégio.
Preciso estar de volta antes que chegue e fique na rua.
Muitos compromissos, para os quais não posso sair antes de servir o almoço.
Enfrento a fila, pago correndo e como se adiantasse muito, pego todas as sacolas de uma só vez e vou em direção ao carro.
Um siena chumbo prateado, sei lá qual é a verdadeira cor daquele carro.
Pego a chave no bolso e de longe destravo o alarme.
Como que por instinto, já estico a mão abrindo a porta de trás...
Soa o alarme escandaloso e chego a dizer a mim mesma... Eu jurava que tinha destravado!!!
Vem uma mulher andando rápido em minha direção.
"Moça, porque você está tentando abrir o meu carro?"
Levo um susto e percebo que estava no carro errado!!
- Mil desculpas, juro que distraída pensei ser o meu!!!! E fui envergonhada em direção a ele.
Ela me olha estupefata, levanta os óculos para enxergar melhor, coloca-os praticamente na testa e diz....
-Realmente!!! Nossos carros são idênticos!!!
Acreditem ou não... O carro dela era um fox vermelho!!!!!!!!!!!


Pessoal, me ajudem a ser mais presente com vocês, preferem que mesmo que eu demore, responda as perguntas nos blogs de cada um, que responda abaixo de cada pergunta, ou que coloque na postagem seguinte?

Bjosss e até mais!!




Vamos ser francos? Na prática, como é a vida de um gastroplastizado?

19 fevereiro 2013


Gente esse post é somente por um motivo.
Quem vai operar precisa e tem o direito de saber em detalhes como é a vida de uma pessoa que passa pela redução de estômago! Acho isso muito justo, pois possibilita que a decisão seja tomada de forma consciente!
Quem me dera ter encontrado um texto assim no meu pré operatório!!!
Não teria tido tantas surpresas!!

E prometo gente, um dia fico em dia com todos vocês!!!
Visitas, retornos de comentários... Por enquanto não quero é deixar meus leitores à deriva, sei que há muitas pessoas que buscam informações aqui, (algumas me leem há mais de cinco anos!) não acho correto ficar um século sem atualizar!!

O meu primeiro médico, o que não quis me operar, me disse duas frases que nunca irei me esquecer, pode ser útil a vocês saberem disso, pois concordo com ele...
As frases são dele, as conclusões são minhas!


1- "Quanto maior o obeso, maiores são os riscos!" (a saúde já está toda deteriorada)
Então se você acha que precisa deixar chegar ao ponto de não sair mais da cama para decidir operar, está enganado!
Faça isso o quanto antes, desde que se encaixe no perfil, claro!!
Imc acima de 40, ou igual/maior que 35, se tiver doenças associadas à obesidade.
Resultados de exames que favoreçam o procedimento sem oferecer riscos maiores e um bom preparo psicológico. (Essa parte ainda não tem bisturi que opere!)

 2 - Não é a cirurgia que é de grande porte, o paciente é que é de grande porte!
Assim como uma cesariana é uma cirurgia de grande porte, ou a pancreatectomia à qual me sujeitei, ou uma histerectomia são procedimentos invasivos, a bariátrica também é, mas o que faz com que ela seja isso tudo de que falam, é o tamanho do paciente e o tamanho das complicações que ele pode oferecer e enfrentar.

Feitas estas colocações vou dizer o que muda na vida real, pois postagens floreadas e cheias de palavras bonitas, vocês vão encontrar muitas por aí, mas contos de fadas não são meu forte, desculpem-me se quebro as ilusões, gosto de contar a verdade. O lado bom e o ruim!!

O maior benefício é sem dúvida a diminuição obrigatória da quantidade de comida a ser ingerida.
Não adianta querer comer muito, não dá!! Pode ser a coisa mais gostosa do mundo e você pode até conseguir comer muito no decorrer de um dia, mas de uma vez, "em uma sentada",não vai!!!
Se forçar, se comer com os olhos, se quiser ser guloso.... VOMITA!!!
Você vai sentir fome sim, exceto no inicio, primeiro mês, período em que ainda confundimos fome com vontade de comer...
Passado este primeiro impacto, sente-se fome normalmente, eu pelo menos, sentia fome como se não tivesse operada, e é assim até hoje, se passo do horário de me alimentar, tenho até dor de cabeça!
Aí você me pergunta, "Mas Lu, se vou sentir fome, para que vou operar?" 
- Você eu não sei, mas eu operei para comer pouco e não para deixar de sentir fome! Meu médico nunca me disse que eu não sentiria fome, mas sim que me sentiria saciada com pouca comida!!
Foi o que aconteceu!!
Se hoje você come 3 pães por exemplo, comerá meio no início e quando tiver como eu, uns dois anos ou mais de cirurgia, comerá um inteiro sem problema algum. 
Ninguém precisa comer 3 pães, mas nosso estômago relaxado não sabe disso.

O prazer de comer não acaba, isso é "caraminhola" que colocam na sua cabeça!!!
Eu como de tudo o que gosto, a diferença é que meu paladar hoje é mais apurado!
Agora sei exatamente qual é o sabor de uma cenourinha baroa, ou de um bife, ou de um bombom. Antes "matava na língua e engolia"nem o sabor sentia!
Hoje mastigo, aprecio, sinto sabores e texturas, me alimentar é muito mais do que simplesmente comer!!! Se isso é não sentir prazer, nem quero saber o que é!
Não existem alimentos proibidos para um gastroplastizado, existem alimentos que seu organismo não reconhece mais da mesma forma. Eu particularmente não tenho esse alimento em minha lista. Sinto um leve enjoo quando coloco creme de leite nas receitas, alimentos gordurosos me deixam meio estranha... 

É o famoso dumping, mas nada que me desestruture, evito e pronto!
Isso se chama bom senso!

Existem também aqueles alimentos que é melhor que sejam mesmo evitados ou consumidos com moderação, porém  é como deve ser para qualquer pessoa normal, (sem estômago reduzido) pois fazem engordar.

A cirurgia é uma reeducação alimentar forçada, cabe pouco, mas o estômago logo se esvazia e cabe de novo outro pouco, então se comer toda hora, vai engordar, ou  nem mesmo chegar a emagrecer (conheço algumas pessoas que jamais atingiram a meta). 
Como em qualquer RA, é preciso ter disciplina, força de vontade e comprometimento!
Então se você não está disposto a mudar já digo logo. Não opere!!!
É perda de tempo,de dinheiro, bobagem mesmo!!
Para não mudar, fique como está, vai te poupar anestesia geral, anestesia na coluna, picadas, remédios, repouso e muitas coisinhas mais!!! 
Gastroplastizado rebelde = Gastroplastizado mal sucedido.
Inconvenientes? 
Claro que existem vários!!
Se comer além do limite tolerado pelo estômago vai vomitar, se não mastigar direito, vai entalar!
Entalo é quando a comida para no meio do caminho, não desce nem volta, e isso dói, dói muito! Você começa a salivar, o estômago revira e não passa enquanto não vomita, porém, as vezes dói tanto, que nós mesmos provocamos os vômitos para nos livrarmos logo do desconforto!
O único jeito de evitar essa situação muito nojenta, é comendo devagar e mastigando muito bem.
Meu doutor me falou na primeira consulta... "Quem não tem bons dentes, não pode fazer esta cirurgia!"

Não é preciso dizer mais nada né?

Outro inconveniente é a água. Tomar água passa a não ser como é agora (antes de operar) não conseguimos tomar golões, como, um copo cheio em quatro goladas por exemplo!!
Pelo menos no início!
Única coisa de que sinto falta da minha vidinha de antes!
Tem que beber devagar, água também causa entalo e é um dos piores!!
No começo eu bebericava a água o dia todo, em uma garrafinha, hoje já consigo tomar muito melhor, é questão de se acostumar.
Bebo 3 litros por dia, devagarinho, mais do que muita gente que não operou.

É isso, a cirurgia salvou minha vida, mas eu sempre estive aberta às mudanças que sabia que iriam acontecer.
E às que aconteceram sem aviso prévio, me adaptei para conviver com elas da melhor forma!!
Jamais me arrependi e olha que tive algumas complicações!
Foi a melhor coisa que fiz na vida!!
Uma decisão séria, que deve mesmo ser tomada com muita lucidez!!


Bjos gente e até o próximo post programado!!!

A casinha azul da Via 240. (E o efeito das caminhadas)

17 fevereiro 2013


Sim, estou deixando posts programados, foi a forma que encontrei para não deixar o bloguinho às moscas, odeio isso!!!
Gosto de ser presente por aqui!

Sabe gente, depois de dois anos de cirurgia, tenho sentido a necessidade de fazer mais por mim, pois operei para mudar de vida e não para ter a mesma vidinha medíocre de "come e engorda" que  tinha antes.
Passado o período de encantamento, de lua de mel com as facilidades da gastroplastia, é hora de colocar em prática o que aprendi ao longo do tempo, então voltei à caminhar.
Tenho feito isso duas vezes ao dia, todos os dias, como fazia no início.
Quem leu meu livro, ou acompanha o blog há mais tempo, sabe como era minha rotina.
Depois com os trabalhos de final de curso na faculdade fui relaxando e com as hipoglicemias parei completamente, mas agora que elas estão mais amenas, voltei com tudo e só não vou quando a talzinha aparece.
O trajeto é sempre o mesmo, em uma pista que tem pertinho da minha casa.
Não ando tanto, mas são 4 quilômetros, então indo e voltando são 8, para mim isso é muita coisa e me sinto muito feliz!
Não posso correr, pois minha perna direita não é como a de todo mundo, meus ossos são reconstituídos por placas de metal e os joelhos por muitos pinos, nem se eu quisesse daria!
Antes de operar, eu me aventurava nessas caminhadas de vez em quando, nas muitas tentativas frustradas para emagrecer.
Lembro-me que eu marcava no caminho, uma casinha azul que tinha lá do outro lado da rodovia.
Ainda existe, continua lá igualzinha, fica no meio certinho do trajeto e eu andava só até ela.
Nem nos meus sonhos mais lindos pensava em um dia completar a pista e confesso... Cada  passo que eu dava, era querendo muito que a casa chegasse logo.
Isso na ida, pois para voltar já era me arrastando, o quadril pesava tanto que custava pra levantar as pernas.
Agora isso tudo parece tão engraçado, passo pela casinha sem nem me lembrar dela, quando vejo já estou lá no fim, vou até a área de alongamento e volto.
Antes era uma hora de manhã e mais uma a noite para fazer meio trajeto.
Hoje em quarenta minutos, faço o trajeto inteiro ida e volta.
Então penso comigo, enquanto até hoje recebo críticas pelo "atalho" que peguei...
Eu agradeço ao Senhor todos os dias por tê-lo colocado em meus caminhos, pois acredito de verdade que sem ele, talvez hoje minha caminhada já tivesse chegado ao fim.
É muito gratificante ver aquela casinha azul hoje!
Sem saber de nada, ela sempre esteve lá, e foi também um grande incentivo para mim...
Não gostaria que a pintassem de outra cor.....
Bjos gente!!!
Até o próximo post programado!!!

Participem do sorteio de um exemplar do meu livro, autografado, clicando aqui!!

Feliz com a blogosfera!!!

15 fevereiro 2013


Então pessoal!! É bem simples assim..
Estou feliz demais com vocês!!
Motivo?
O apoio que tem me dado em relação ao meu livro!!!
A grande verdade é que na blogosfera, conhecemos muitas pessoas, mas conhecemos entre aspas, não é mesmo??
Nunca vimos, não ouvimos a voz, é só esse contato por aqui.
Com algumas pessoas o contato é maior, se estende à outras redes sociais, aos torpedos no celular, algumas vezes às ligações e em outras raras, chegamos a nos conhecer pessoalmente.
Mas o carinho existe, é mútuo e tenho sentido isso.
Muitas vezes, a grande maioria, eu viajo pelos blogs de vocês, vejo as novidades, mas não tenho conseguido comentar.
Por falta de tempo, da correria com meus projetos, volta às aulas do meu filho, estou estudando para uma prova muito importante pra mim...
Enfim, gostaria de ser organizada o bastante para conciliar tudo, mas não sou, ninguém é perfeito né?
O dia tem as mesmas 24 horas para todos, cabe a nós nos organizarmos da melhor forma e eu sou bem falha nisso.
Mas enfim, nessas minhas andanças de blog em blog, vejo tanta gente falando do meu livro, falando bem do meu trabalho, que sinceramente sinto-me lisonjeada.
E comprando meu então?? Gente, estou surpresa!!
Tenho vendido muitos exemplares, muitos mesmo!!
E isso até então está bem organizadinho pra mim, pois anoto todos eles.
Sei o que vendi, para quem vendi e para onde vendi!
Olhando estas anotações ontem a noite, me dei conta de que a maior parte foi para a blogosfera. Para as amigas virtuais!! Gente, já distribui livros para lugares que nem sei se um dia chegarei a conhecer, mas minha história tem chegado a eles...
Só tenho a agradecer!!
Mesmo!!
Aliás, o primeiro livro vendido por mim, (estão sendo vendidos por várias pessoas, inclusive pela minha psicóloga no consultório dela) foi aqui na blogosfera e foi pra fora do Brasil!!!
Não estou agradecendo só por comprarem!! Estou agradecendo também e principalmente, pela confiança!!!
"Vida de Borboleta", está a venda no site da livraria Saraiva, que por ser uma empresa, obviamente passa maior credibilidade. Mas ainda assim, vocês tem preferido adquirir comigo.
Isso para mim, nada mais é do que confiança!!
É o dinheiro de vocês, na conta de uma pessoa completamente desconhecida e a única garantia que tem, é a minha palavra. (Que por sinal para mim, vale um escrito!)
Acho que isso acaba por dispensar mais justificativas pelo agradecimento!!
Muito obrigada, é o que tenho a dizer!!
Bjosss

O lançamento em São Paulo já está confirmadíssimo!!
12 De Abril, às 19 horas, na livraria Cultura do Shopping Market Place!!
Espero conhecer muitos blogueiros e blogueiras pessoalmente!!

Sorteio do livro:" Vida de Borboleta"

13 fevereiro 2013

Como poderia eu, uma única pessoa, fazer algo que realmente ajudasse aos milhares e milhares de seres humanos, que hoje sofrem com a obesidade? Na verdade, é algo muito grande pra mim, que sou tão pequena. Com este livro de palavras simples, porém carregadas de intenções grandiosas, espero de alguma forma poder contribuir para que mais e mais pessoas, possam alcançar ou resgatar sua saúde, qualidade de vida e auto estima, que lhe são dizimadas, quando acometidas por esta doença. No meu caso isso aconteceu através da cirurgia bariátrica, o que não quer dizer que todos irão passar por ela. Fiz uma promessa na mesa de cirurgia e nunca pensei que cumprí-la pudesse ser tão prazeroso!
Vida de Borboleta - Tudo Sobre Minha Gastroplastia - Lu Fernandes
O Gastro Feliz, em parceria com os blogs: Beautiful Girls e Kakau com Limão estão comemorando o lançamento do meu livro Vida de Borboleta, onde será sorteado um exemplar autografado! Corra e participe! Se você tiver alguma alguma dúvida de como usar o formulário, não deixe de ler este tutorial.

a Rafflecopter giveaway

Regulamento:
1. Participantes: A promoção só é válida para o Brasil.
2. Datas: A promoção começa em 13/02/13 e termina em 31/03/13. Resultado no dia 01/04.
3. Contato ao vencedor: Os vencedores serão contatados por e-mail e terão 2 dias para responde-lo. Em caso de o mesmo não responder, será feito um novo sorteio.
4. Envio de prêmio: O envio será realizado pela própria autora.

E tudo começa outra vez...

12 fevereiro 2013


Sacolas personalizadas para entrega dos livros. 

Poisé pessoal, o feriado chega ao fim... A correria recomeça...
Bem, dizem que aqui no brasil o ano só começa mesmo após o carnaval.
Então, para quem acredita nisso e vive na prática, taí uma bela oportunidade para recomeçar o que quer que seja.
A dieta, a mudança de hábitos, a prática de exercícios físicos...
Enfim, sempre é tempo de recomeçar. O que não podemos é desistir de nós.
Meu feriado foi bem como eu queria.
Em casa, sem fazer nada além de escrever, ler, me alimentar, ouvir música...
Eu dormi gente, dormi muito!!!
Quatro dias curtindo minha própria companhia. Há quem não goste, mas eu amo.
Os meninos chegam amanhã, então ainda tenho mais uma noite só pra mim.
A diferença é que agora já estou com saudades e querendo que cheguem logo.
Esta é uma das coisas boas de se ficar sozinha em casa, quando eles chegam é a maior alegria.
Terei algumas novidades para contar a vocês nos próximos dias...
Mas não ainda.
Surpresaaa!!
Bjo grande pessoal e até mais!!





E se deseja adquirir meu livro -  Vida de Borbolteta,
basta solicitar através do email - luthfernandes@yahoo.com.br.


O dia em que pedi uma massagem e quase fui assassinada.

09 fevereiro 2013





Bom dia pessoal!! Sabem de uma coisa? Não existe nada no mundo melhor do que a liberdade! Nada se compara ao prazer de poder fazer o que quiser, na hora que quiser, e não precisar dar satisfações a ninguém!!
Amo minha família, mas ficar sem eles aqui de vez em quando... Amo também!!!
É um silêncio, uma organização, ninguém me pedindo coisas toda hora, ninguém reclamando porque eu só quero escrever... Nossa, bom demais!!
Virei essa noite escrevendo!! Q.U.E    D.E.L.Í.C.I.A !!

Mas me deixem contar algo que me aconteceu antes da viagem deles... Só não foi trágico por ter sido cômico!!
Estou com uma dor de garganta terrível, o corpo parecendo ter sido atropelado por um trator e pedi pra marido me aliviar um pouco.
Pensei que se ele se deitasse inteirinho em cima de mim, seria uma massagem muito relaxante, o peso de um corpo em cima do meu, comprimindo, seria uma massagem no corpo inteiro de uma vez só.
Deitei-me com a barriga para baixo, os braços ao lado do corpo, bem retinha e falei...
" Deita sobre o meu corpo do mesmo jeito que estou e fique imóvel por uns minutos!"
Imaginei que aquilo fosse ser tão relaxante que até dormiria.
Ele relutou mas fez...
Pessoal... Jesus toma conta de mim!!! Que ele não é leve, disso eu já sabia!!
Eram os 107 quilos dele esmagando os meus 48 embaixo.
Não pensei que o efeito disso na prática pudesse ser tão desastroso!!
Ele simplesmente se deitou, ficou imóvel, mas apertou tanto meus pulmões, que eu não tive forças nem para me mexer, nem para pedir que saísse.
Não sei quanto tempo aquilo, durou, se segundos, se minutos, só sei que por pouco não morri de verdade.
E devia estar bom, pois ele não saía.
De repente ele começou a rir e rolou para o lado, só aí percebeu que eu estava passando mal, esmagada embaixo dele.
Eu já estava completamente sem ar, não estou exagerando, quando ele saiu comecei a tossir e estava toda vermelha...
Agora escrevo morrendo de rir, mas na hora não teve graça, fiquei em pânico mesmo.
Bom, uma coisa é certa, eu não faço algo desse tipo nunca mais!! Massagem agora, só do jeito convencional mesmo.
E por hora, vou tomar um delicioso e saudável café da manhã, que será preparado por mim, para mim mesma!!
Bjos pessoal, bom feriado!!!

Feriado de Carnaval = Pijamas e livros!!!

07 fevereiro 2013



Oi gente, com as visitas ainda não estou 100% mas estou melhorando né? Pelo menos tenho me esforçado.
Então, estive pensando no feriado, no que fazer nestes dias de folga.
Na verdade não gosto do carnaval, nada contra, cada um tem suas crenças, eu simplesmente não fui criada valorizando estas festas então sou alheia a elas.
Na verdade a bagunça, o barulho, a violência e falo de várias modalidades de violência, inclusive a visual, não me agradam.
Sou uma pessoa mais na minha, mais reservada, segundo alguns, chata e fresca, embora não me sinta assim.
Acontece também, que esta folia foge completamente aos meus princípios religiosos e ensinamentos que recebi.
Não estou dizendo que no carnaval me enclausuro e nem de casa saio, não é isso.
Gosto do feriado para descansar. Não é uma época em que me agrade viajar, exatamente por causa dessa confusão, das estradas lotadas de motoristas embriagados, valorizo tranquilidade e segurança!
Este ano iríamos pra roça, marido, João, eu e um casal de amigos que viriam de São Paulo.
Eu não gosto de roça, mas como sou a única da turma com essa preferência a maioria vence, é lógico.
De última hora o casal avisou que não poderá vir e pasmem.....
Optei por ficar em casa, curtindo minha própria companhia.
Marido e João viajam e felizes!! Mas eu... Ah gente, de verdade, as vezes vou para o interior, na casa do meu avô onde fui criada, mas lá é uma cidadezinha que tem asfalto, clube, praça, cinema, lojas, parquinho, dá pra distrair, mas a roça que ele vai......
Não sou chata, tenho meus momentos e neste  não estou muito voltada para estrada de terra, eventualmente uma cascavelzinha que aparece, abrir porteira, tocar boi para que o carro possa passar, fazer xixi na "casinha"...
Então decidi passar o feriado todo escrevendo e estudando.
Fiz inscrição para um curso que queria já há algum tempo, porém tenho que fazer um teste de conhecimentos para já entrar no módulo 3, já que o 1 e o 2 já fiz há alguns anos.
Como me lembro de pouca coisa quero estudar, fazer os dois novamente vai levar muito tempo, além de ser um gasto desnecessário, acredito eu.
Enfim, acho que será bem proveitoso, talvez eu vá ver o meu vô pelo menos em um dos dias, mas nada cerro.
A única certeza é de que vou dormir a vontade, comer comidinhas gostosas e saudáveis que eu mesma farei, selecionar com cuidado alguns dos meus filminhos água com açúcar e ler um livro novo que comprei semana passada. A menina que não sabia ler.
No mais gente é isso, depois conto a vocês como andam as coisas por aqui!! bjosss

E depois de dois anos, como andam as quantidades?

06 fevereiro 2013




Ei gente...
Olha, desde que operei, que optei por levar uma vida bem saudável. Sempre quis me aproximar o máximo possível da normalidade, então tento não me prender a certos hábitos.
Me pesar - Já pesei todos os dias, já pesei de manhã e a noite, já pesei uma vez por semana, de quinze em 15 dias, hoje defini que para mim, o normal é me pesar de vez em quando. Esporadicamente, quando sinto necessidade, não sei se faço isso uma duas, três vezes por mês, a balança fica no meu banheiro, quando cismo subo lá. As vezes antes de ir ao médico também, pois meu doutor sempre me pergunta se me pesei, então se me lembro, peso em casa. Não gosto da balança da clínica.
Pesar as refeições - Na verdade acredito que este seja um hábito que só deva ter quem come muito fora de casa. Eu até como fora regularmente, umas duas ou três vezes por semana, mas nem sempre é em restaurante por quilo.
Reconheço que muitas vezes ainda hoje, me pego comendo com os olhos, colocando no prato uma quantidade além do que o meu organismo suporta.
Eu como pouco.
Mas já comi bem menos.
Já mencionei aqui que percebo que com o tempo passou a caber mais comida. É verdade.
Isso não é uma regra, observo também que tem dias que o estômago está mais sensível, em outros mais predisposto, sem contar que o que se come também conta muito.
Estou falando de mim viu gente, minha experiência, cada um deve vivenciar a sua, não estou aqui querendo ser parâmetro pra ninguém!!
Acontece que a minha querida Clarice Bela, Que operou a menos tempo que eu, manifestou essa dúvida outro dia e então eu resolvi falar a respeito.
A pergunta dela foi em torno desta questão, que quantidade eu como hoje, depois de dois anos e dois meses.
Se é realmente maior do que o que comia há um ano atrás por exemplo, se noto que isso vem aumentando gradativamente.
Hoje em dia, como sim uma quantidade maior do que comia com seis meses de cirurgia, mas acho que com um ano já era a mesma quantidade que como hoje. Com estas observações, dependendo do clima, do meu organismo no dia, que diga-se de passagem por não ter um pâncreas como todos, tem dia que não me alimento direito, mas no geral, minha porção é mais ou menos do tamanho desta da foto.
Este foi meu jantar de ontem, e mesmo não tendo conseguido comer tudo o que coloquei no prato (176 gramas), senti que comi além e fiquei me sentindo lotada. Odeio quando isso acontece. (Deduzi que o ideal pra mim, são 150 gramas)
Não como de três em três horas, já tentei muito mas não consigo, então me alimento a cada duas horas e meia, mas não me prendo a isso, já sei quando tenho fome, ou quando é só vontade de comer, então ignoro a vontade e como quando a fome vem!!!
A dúvida da Clarice, pode ser também a de muitos, então espero poder ajudar com este post!!
Bjos pessoal e até breve!!

(Sobras)
E o meu livro? Quem já leu?? Eu acredito que ele possa ajudar bastante, tanto no pré, quanto no pós operatório!!! Caso alguém queira é só pedir através do email - luthfernandes@yahoo.com.br

Relançamento do meu livro em São Paulo.

05 fevereiro 2013



Oi pessoal!! Vim rapidinho contar a novidade bem fresquinha!!!
Estava aguardando posição da editora sobre o relançamento de Vida de Borboleta, na cidade de São Paulo.
Ainda não tenho todos os dados confirmados, por isso não divulgarei os detalhes, mas já adianto que será em meados de março, na Livraria Cultura.
Desta vez será um pouco diferente do lançamento daqui, teremos além da noite de autógrafos, também uma breve palestra e apresentação do livro. (Sabia que aquele curso de oratória seria útil!!ufa!!).
Enfim, tenho muitos amigos virtuais aqui na blogosfera e esta é uma oportunidade ímpar para conhecer alguns.
Estou ansiosa por este encontro!!
Assim que tiver todos os detalhes confirmados, posto pra vocês, juntamente com o convite.
Aqueles que desejarem receber o convite impresso para prestigiar o evento, gostaria que me mandassem email para luthfernandes@yahoo.com.br, com o endereço, que enviarei via correio.

No título coloque Convite Lançamento.
Enfim, estou muito feliz com mais esta conquista e espero conhecer pessoalmente muitos de vocês que tão gentilmente me incentivam tanto por aqui.
Bjo grande e até breve!!
Para quem ainda não viu o vídeo do lançamento em BH, segue link no You Tube.

E para quem quiser adquirir um exemplar, basta enviar email para o mesmo endereço - luthfernandes@yahoo.com.br.

Sim! Hoje eu estou no controle!

04 fevereiro 2013


Jantar de hoje- moranga com creme branco, frango desfiado,parmesão, salada e cogumelos que amo!!

Oi gente!!
Estava pensando no que escrever, no que poderia ser útil aos meus leitores, já que quanto mais tempo de cirurgia temos, menos novidades temos pra contar, pois a vida fica cada vez mais normal.
Não digo normal como a vida que eu levava antes, aquilo passava longe de ser normal.
Falo de vida saudável, com escolhas saudáveis, quantidades saudáveis, vida normal dentro do padrão que é considerado normal por nutricionistas e profissionais dessa área.
"Gastroplastizado engorda??"
Sim! Gastroplastizado engorda!! Se não se cuidar engorda mesmo e pode colocar a cirurgia a perder mole mole.
Já comentei com vocês que depois de dois anos sinto que agora depende mesmo é de mim, que a cirurgia fez a parte dela e será sempre uma aliada, mas meu organismo já está totalmente adaptado às mudanças e se eu não praticar a partir de agora o que aprendi ao longo deste tempo, sei exatamente o que pode acontecer.
É pensando nisso que procuro me alimentar de forma saudável.
Como de tudo o que gosto, em quantidades pequenas, se vou a uma festa não me privo de uma comidinha diferente, tenho sim uma vida social.
Em casa não faço comida especial pra mim, os mesmos alimentos que consumo, marido e João também consomem, o que me força a preparar sempre refeições saudáveis para não me prejudicar.
Opto por tudo bem leve, salvo quando preparo os frangos com quiabo da vida, as feijoadas, as dobradinhas com feijão branco, mas isso são eventualidades.
No dia dia, temos em casa, a boa e perfeita dupla - arroz + feijão, acompanhados de carne, salada, legumes refogados... Vario bem o cardápio.
Não como a dupla todos os dias, o estômago é pequeno, então tento comer mais carne e alguns legumes, do que os demais alimentos.
Olha gente, tem dado certo.
Sem me privar de nada, tenho me mantido dentro do meu peso e sem prejudicar minha saúde, o que é melhor!
Esses dias notei que meu rosto está mais cheio, me pesei e estou com 49,5.
Meu peso é assim mesmo, entre 48 e 50, então fico tranquila e tento não deixar passar disso, sem neuras ou sofrimento.
Então é isso gente, acho que podemos sim ter o controle da situação, mas precisamos entender que isso depende muito da nossa força de vontade.
Eu sei que não é tão fácil na prática, mas disciplina é isso, repetição de hábitos diários que acabam virando estilo de vida!!
Boa semana a todos!!!Beijossss

Quem quiser adquirir meu livro - Vida de Borboleta, é só enviar email para luthfernandes@yahoo.com.br e solicitar!

A internet aproxima as pessoas....

03 fevereiro 2013



Oi gente!! Este final de semana foi extremamente cansativo para mim, mas também foi extremamente prazeroso e com isso acabei pensando em como a internet pode mesmo acabar aproximando as pessoas.
""Nossa Lu, que grande descoberta!! A intenção é esta mesmo!!!""
Não gente,não estou falando de aproximar no sentido de interligar com o mundo ou de acumular contatos em tudo que é rede social.
Tampouco estou falando dessa popularidade tão banalizada hoje em dia, que acaba até prejudicando a vida social real.
Estou falando de encontros que acontecem através ou à partir da telinha do computador e pode até se tornar algo além disso.
Eu não sei exatamente há quanto tempo faço uso dessa ferramenta tão importante.
Mas do blog, desse meu pequeno espaço tão particular do qual me sinto inteiramente dona, eu usufruo já há mais de cinco anos e digo que ele faz parte da minha vida.
Através dele eu tive o privilégio de me inteirar de tantos acontecimentos, tantos casos e acasos...
Tantos fatos e correlatos...
Tem coisas que a gente acha que nem existe, mas acreditem ou não, já vi tanta coisa nessa blogosfera que hoje em dia é pouco o que me causa espanto.
Enfim, conheci pessoas.
Algumas pessoas tão especiais que muitas vezes cheguei a duvidar que nos encontramos assim, por um mero acaso.
O que acho incrível é que criamos um vínculo tão grande com algumas destas pessoas que sentimos vontade de conhecer de verdade, de ver, de falar por telefone, nos preocupamos quando elas somem por um tempo...
Meio inexplicável, mas a afinidade muitas vezes é maior do que a que temos com muita gente que faz parte do nosso convívio real.
Eu fico muito feliz quando este desejo de conhecer, ver, falar, se torna algo possível e hoje isso aconteceu mais uma vez.
Tive o prazer de conhecer algumas blogueiras pessoalmente e gostei demais de todas elas, todas tem um lugarzinho todo especial no meu coração e uma cota do meu carinho. Hoje foi a vez de conhecer a Isabeluda!! Do blog Demaquiladas!!
Gente, ela é uma simpatia!! Já sentia muita afinidade lendo seus post, ela escreve muito bem e já sabem, aprecio muito um texto bem escrito, foi assim que comecei a seguir o blog dela e o de muitas de vocês que me leem, diga-se de passagem!!rsrs
Gente a Isabela é um barato, rimos muito, conversamos tanto...
Foram quatro horas no shopping e o assunto não terminava, se não fosse tarde acho que estaríamos lá até agora.
Ela foi com uma amiga que também é muito legal e nós três fizemos a festa!
Depois como já é de praxe, marido e João se juntaram a nós, comemos e todos fomos embora.
Foi um fim de domingo muito especial, alegrou o início da minha semana!!
Quero repetir este encontrinho sempre que possível, de tanto que gostei de conhecê-la!!
E a lindona ainda me prestigiou comprando o meu livro!! Fiquei toda feliz!!
Bjo grande pessoal e ótima semana, cheia de escolhas saudáveis em todas as áreas!!!

E se também quiserem adquirir "Vida de Borboleta" já sabem, podem solicitar no site da livraria Saraiva, ou comigo através do email - luthfernandes@yahoo.com.br

Chá verde com limão às três da madrugada!!!!

02 fevereiro 2013



Ai gente, as vezes acho que se eu não existisse teria que ser inventada.
Ando tão incomoda em ver esse blog às moscas, me sinto tão mal em saber que tenho seguidoras tão fiéis que mesmo que eu não retribua continuem me visitando... Detesto isso, não retribuir... Parece que estou sendo esnobe...
Principalmente por saber que nos últimos cinco anos, o blog foi o meu maior aliado na luta contra a obesidade. As pessoas nunca entenderam porque eu falava tanto nesse blog, porque passava tanto tempo na frente do computador, mas só quem é blogueiro, sabe o que é ser blogueiro, o que isso significa pra nós.
Sou blogueira sim! E tenho muito orgulho disso! E tem mais, talvez se eu não fosse uma blogueira, não tivesse me tornando uma escritora!!!
Gente ainda não tenho intimidade em usar o termo escritora.
Escrevi e publiquei um livro sim, estou caminhando para publicar o segundo, mas será que isso faz de mim uma escritora?
Pra todos os efeitos sim, oficialmente sim, todas as formalidades estão na mais perfeita ordem. Tenho registro na biblioteca nacional. Uma obra registrada na biblioteca nacional! Ai que coisa chique!!
Mas ainda acho estranho me referir a mim mesma como escritora...
Mas vamos ao tema do título antes que o post tenha um metro...
Decidi que esta madrugada seria dedicada ao blog.
Marido chamou pra ir pra cama e eu fui!!!
Ele queria nos jogar pela janela!! O notebook e eu!! Achei muito injusto, me chama pra cama e expulsa??
Duas horas depois do ocorrido ele se levanta pra ir ao banheiro, vem até a sala e me pergunta se não vou dormir... Já sabia que a resposta seria não!! 
Pedi pra me preparar um chá verde com muito limão para tomar enquanto escrevia e visitava vocês, mesmo achando o cúmulo do absurdo, ele fez e trouxe pra mim.
Estupidamente gelado como eu gosto, na verdade não gosto de jeito nenhum, mas assim pelo menos tolero.
Gente, tomo de canudinho e já no primeiro gole, percebi que ele queria me matar.
O negócio já é ruim... O amargo das ervas, o azedo do limão,  e ainda gelado, uma hora dessas?? E ele ainda colocou em uma xícara, pó o suficiente para um mês de chá!!!!
Chegava a estar grosso e parece que foi direto para o cérebro ao invés do estômago.
Saí correndo pra cozinha, peguei um biscoitinho água e sal pra tirar quele gosto horrível!! Até me lembrei do chaves no episódio com os inseptos!!!
Acabei lanchando em plena madrugada, pois o chá parecia um mingau e rolou até biscoito!!
Mas tá bom, acho que consegui ler muitos bloguinhos, atualizar um pouquinho as coisas por aqui e acabou valendo a pena.
Agora antes que aconteça outra tentativa de homicídio nesta casa, acho melhor ir dormir né?? Bjo grande e ótimo fim de semana!!!

Ahhh... E se alguém quiser adquirir meu livro, me mande email que envio autografado!!!
luthfernandes@yahoo.com.brOu podem também pedir no site da livraria Saraiva, disponível para todo Brasil!!!

Um post cheio de coisas!!!

01 fevereiro 2013

Oi Oi oi!!!!!!!
Vim contar a vocês uma coisa legal!! Participarei de uma palestra sobre obesidade em dois colégios.
Um ainda não sei bem quando, mas o primeiro será agora no início do semestre!!
Fiquei feliz!
Sabem da minha dificuldade para falar em público né? Concluí o curso de oratória, ando treinando sozinha mesmo, mas desinibição depende muito de prática e é no que pretendo investir.
Vai que seja necessário uma hora dessas, não é legal fazer as coisas morrendo de vergonha, isso acaba fazendo com que algo que tenha tudo para ser perfeito, não fique assim tão bom!!
Na semana passada completei 6 meses da minha pancreatectomia.
Não consegui com ela me livrar das hipoglicemias, mas tenho menos crises do que antes, graças a Deus.
Meu peso, agora que já estou às vésperas de completar dois anos e dois meses de gastro continua me deixando imensamente feliz! Continua oscilando entre 48 e 50 e não passa disso.
A alimentação realmente muda com o tempo. No início do pós operatório, come-se muito pouco, alimenta-se de uma forma muito cautelosa e o estômago é como um bebezinho. É ele quem manda.
Hoje, o meu pelo menos continua mandando, mas a quantidade é maior e percebo também que sinto fome com mais frequência.
O que isso quer dizer??
Que a fase de REeducação alimentar forçada chegou ao fim e que agora, é o momento de aplicar em minha vida, tudo o que aprendi nestes dois anos, para o meu próprio bem.
Bom gente, eu não sei vocês, mas eu sempre fui boa aluna e não será diferente agora, afinal, sei que daqui pra frente, depende única e exclusivamente de mim.
Continuarei comendo "de tudo", sem necessariamente "comer tudo".
Gostaria de agradecer ao carinho que tenho recebido dos meus leitores nas redes sociais.
Vocês me enchem de inspiração todos os dias!!!
bjossss
^
© Gastro Feliz |2014. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Karina Enésio.
imagem-logo